goo vimeo rss facebook
  • banner new22
Ateliers e visitas guiadas assinalam Dia Mundial do Ambiente Com o objetivo de assinalar hoje o Dia Mundial...
Proteção Civil de Lamego promoveu workshop sobre o SIRESP Mais de uma centena de pessoas participou no...
Olimpíadas da Cidadania testou conhecimentos das crianças A turma do 3º B do Centro Escolar de Lamego nº...
Montra da Cereja da Penajóia vendeu mais de 14 toneladas Foi o ano de todos os recordes para a Montra da...
Run Kids juntou 300 crianças do 1º ciclo no Jardim da República Mais de 300 alunos do 1º ciclo do concelho de...
Cidade de Lamego vai ter internet grátis nos espaços públicos Os espaços públicos da cidade de Lamego vão...

"Lamecum Trail" desafia à descoberta de novos trilhos

Em Portugal, existem cada vez mais adeptos de trail, uma corrida realizada em percursos de natureza com diferentes níveis de dificuldade que variam consoante os terrenos onde é percorrida. O concelho de Lamego quer "agarrar" esta nova experiência e, por isso, organiza, pelo terceiro ano consecutivo, o "Lamecum Trail" no próximo domingo, 16 de junho. Está prevista a participação de mais de 500 atletas que procuram emoções positivas e uma sensação de equilíbrio entre o corpo e a natureza, para percorrer diversas distâncias: 33km, 23km,13km, 8km (caminhada) e o Kids Trail.
Com a linha de partida situada no Castelo de Lamego e a meta instalada na Av. Dr. Alfredo de Sousa, o "Lamecum Trail" vai permitir desfrutar de magnificas paisagens e monumentos e beneficiar da típica hospitalidade e gastronomia durienses. Os trilhos vão oferecer momentos únicos aos atletas, como a passagem junto ao rio Douro ou por entre as vinhas, para além de muito outros locais que vão perdurar na memória dos corredores. O secretariado estará situado na galeria junto do Centro Multiusos de Lamego.

Feira Medieval conquistou a adesão de milhares de pessoas

page fm

Entre festas e folganças, a Feira Medieval de Lamego voltou a atrair e a apaixonar milhares de pessoas, ao longo do último fim de semana, que quiseram viver uma experiência única e assistir a um programa de animação permanente com atuações de música itinerantes, "bailias e folguedos" e "espetáculos de fogo", entre muitas outras atividades. Fiel ao espírito e à época de então, a zona mais alta da cidade, entre o Castelo, a Praça do Comércio e o Jardim da República, foi o "epicentro" de um ambiente efervescente e repleto de animação que recriou os tempos de D. Afonso Henriques e das lendárias Cortes de Lamego.
Organizada pela Câmara Municipal de Lamego, a edição deste ano da Feira Medieval apresentou ao público algumas novidades, nomeadamente com a concentração no Jardim da República do acampamento militar, do espaço infantil, de uma nova praça de alimentação e do palco de animação. Com a concretização deste evento, a autarquia pretendeu, entre outros objetivos, inverter a desertificação populacional do bairro do Castelo, aumentar a sua atratividade para os turistas e dinamizar a atividade económica do comércio tradicional. Com uma programação ampla e bastante apelativa, foi ainda feita a pedagogia dos usos e costumes medievos. O certame contou o apoio de fundos comunitários do FEDER, no âmbito de uma candidatura aprovada do NORTE 2020.

Parque Biológico recebe primeira estação meteorológica a funcionar no Douro

O Município de Lamego procedeu esta quarta-feira à instalação de uma estação meteorológica no Parque Biológico da Serra das Meadas, um equipamento que permitirá ter previsões e dados meteorológicos mais específicos e em tempo real relativos a este concelho e à região. A estação de Lamego foi a primeira a entrar em funcionamento no conjunto das 19 que serão instaladas no âmbito do projeto “Sistema de Alerta, Gestão e Monitorização de Catástrofes (SAGMC)”, em todos os municípios que constituem a Comunidade Intermunicipal do Douro (CIMDOURO).
Inaugurada no Dia Mundial do Ambiente, esta estação meteorológica vai monitorizar um vasto leque de dados, nomeadamente a temperatura, a humidade relativa, a pressão atmosférica, a radiação solar, a precipitação, a velocidade e a direção do vento, para além de ter um sensor de humidade da folha. Caberá ao Serviço Municipal de Proteção Civil, a responsabilidade do seu funcionamento e respetiva manutenção e o tratamento de dados será realizado pela Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD).

Execução de projetos estruturantes está em risco

O Município de Lamego foi objeto, pela segunda vez este ano, de um processo de execução fiscal imposto pela Autoridade Tributária e Aduaneira, no qual é exigido a esta instituição mais de 300 mil euros por dívidas contraídas pelas empresas “Lamego Convida EEM” e “Lamego Renova S.A.”. Na prática, esta situação, “caso não seja atempadamente resolvida”, pode implicar a retenção de verbas por entidades externas e o indeferimento da concessão de empréstimos à linha do Banco Europeu de Investimento, necessários à execução de investimentos estruturantes neste concelho.

Investigadores partilham saberes ligados à máscara

Etnólogos, investigadores, académicos de instituições de ensino superior e eruditos de festividades ligadas ao ritual da máscara de Portugal e Espanha estiveram reunidos este sábado em Lamego para partilhar experiências e conhecimentos sobre diversas áreas. Organizadas pelo Município de Lamego, as I Jornadas do Centro Interpretativo da Máscara Ibérica (CIMI) foram consideradas um êxito, numa altura em que esta autarquia já iniciou o processo de candidatura da máscara de Lazarim a Património Mundial da UNESCO, para que esta "tradição ancestral e identitária" seja preservada para as gerações vindouras.
O Presidente Ângelo Moura, sublinha que esta máscara - talhada em madeira de amieiro por artesãos - e o seu Entrudo são "um elemento vivo" da milenar história do concelho de Lamego. "Enquanto arte ancestral de saber fazer e com práticas, expressões, ritos e símbolos identitários transmitidos de geração em geração, tem os atributos necessários para integrar a lista do património cultural imaterial", defende.

Lamego disseminou o gosto pela poesia

page 1

Pelo segundo ano consecutivo, o evento "Lamego, Cidade Poema" celebrou a leitura e transformou esta cidade, durante três dias, no ponto de encontro de poetas proeminentes que marcaram presença na palestra "Ler para Escrever o Futuro" que procurou disseminar o gosto pela poesia. Moderada por Mésicles Helin, jornalista da emissora TSF, a mesa-redonda contou com intervenções de um leque de pessoas que pensam e fazem cultura e que amam a poesia e a literatura. “Quando trazemos até nós a paixão pela leitura, a par de uma capacidade de reflexão e crítica, que muitas vezes pensamos existir somente nas grandes cidades do litoral, rasgamos muitas amarras de uma luta desigual pela vivência cultural, consequência de interioridades e distâncias”, afirmou Ana Catarina Rocha, Vereadora da Cultura da Câmara Municipal de Lamego. 
"Lamego, Cidade Poema" constitui uma das grandes apostas, na vertente literária, desta autarquia com o objetivo de criar um evento de referência no nosso país. Inserida nesta programação, a iniciativa “Poemas com Melodia” também desafiou os alunos do ensino secundário a escrever poesia com imaginação e originalidade. Por entre as melodias poéticas de “Vítor Blue”, foram depois orquestrados os melhores poemas e apresentados no palco do Teatro Ribeiro Conceição, durante duas sessões que lotaram por completo esta sala de espetáculos. Participaram 50 jovens de diferentes estabelecimentos de ensino que compõem a Rede de Bibliotecas, nomeadamente o Colégio de Lamego, a Escola Secundária de Latino Coelho, a Escola Secundária da Sé e a ESCOPAL/ ESFOSOL.

Ângelo Moura define prioridades em visita a Parada do Bispo e Valdigem

O Presidente da Câmara Municipal de Lamego deslocou-se esta quinta-feira, dia 30, à União de Freguesias de Parada do Bispo e Valdigem, no âmbito do roteiro "Um Dia na Freguesia" que está a concretizar e que o levará a visitar as 18 freguesias que constituem o concelho. O objetivo é conhecer em pormenor as principais carências e dificuldades e definir as prioridades de investimento. Durante esta visita, Ângelo Moura verificou o andamento de algumas obras em curso e dialogou com vários munícipes. 
Recorde-se que, no âmbito desta iniciativa, o périplo de Ângelo Moura e do executivo camarário já passou por Sande, Cambres, Penajóia, Avões, Ferreiros de Avões  e Samodães, prometendo continuar em breve nas restantes freguesias. Até ao momento, foi feito um levantamento das anomalias consideradas prioritárias, nomeadamente o fornecimento de água e saneamento básico e a requalificação de caminhos e muros caídos. 

Contactos

Câmara Municipal de Lamego
  • Av. Padre Alfredo Pinto Teixeira, 5100 - 150 Lamego
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
  • Telef.: 254 609 600 Fax.: 254 609 601

Horário do Município

Horário de Atendimento ao Público
        SEGUNDA A SEXTA
          08H30 ÀS 17H00
Hórário de Atendimento Tesouraria
        SEGUNDA A SEXTA
          08H30 ÀS 15H30
             HORÁRIOS CONTINUOS
 

Newsletter

Usamos próprios e cookies de terceiros para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar considera aceitar a nossa política de cookies.