goo vimeo rss facebook

Artesãos e comerciantes convidados a participar na Feira Medieval

fm 2019Dedicada à memória de D. Afonso Henriques e às lendárias Cortes de Lamego, a “Feira Medieval de Lamego” regressa este ano entre os próximos dias 7 e 9 de junho, incluindo, pela primeira vez, uma Mostra Gastronómica que servirá como "prato especial" um dos maiores embaixadores deste concelho: a tradicional bôla de Lamego.
Os artesãos, comerciantes e associações que pretendem participar num dos maiores certames do género realizados no Interior do país devem efetuar a sua inscrição no serviço de Atendimento ao Munícipe da Câmara Municipal ou através do seu site oficial: AQUI.  
A autarquia, entidade organizadora, disponibiliza para consulta o formulário e as condições de participação que os expositores têm de respeitar.  

Com o apoio de fundos comunitários do FEDER, no âmbito de uma candidatura aprovada do NORTE 2020, a “Feira Medieval de Lamego” promete atrair à zona alta da cidade, entre o Castelo, a Praça do Comércio e o Jardim da República, milhares de pessoas que ajudarão a criar um ambiente repleto de animação.

Lamego celebra "herança e perenidade" da democracia

O 45º aniversário da histórica madrugada do 25 de Abril de 1974 foi assinalado em Lamego com uma grande variedade de eventos de índole institucional, cultural e desportiva. O momento mais simbólico das celebrações foi a realização da Sessão Solene da Assembleia Municipal Comemorativa do Dia da Liberdade, tendo como oradora convidada a advogada Mónica Quintela que proferiu uma Oração de Sapiência sobre o tema "A justiça e os Direitos Humanos – de Abril aos nossos dias”.
Durante o discurso de encerramento da Sessão Solene, o Presidente da Assembleia Municipal, José Rodrigues Lourenço, enalteceu que "aos 45 anos de idade, a democracia já atingiu a sua maturação. Nela podemos ver algumas fragilidades ou enquistamentos, mas nunca o desvio da sua substância, da sua herança e da sua perenidade". Com um Salão Nobre repleto de pessoas "de cravo ao peito", sublinhou ainda que "ser livre, nos seus mais variados segmentos ou amplitudes, mesmo que comprimidos quando em conflito com deveres ou a liberdade dos outros, é a maior conquista daquela heróica madrugada". Intervieram nesta sessão, os representantes dos grupos políticos que compõem este órgão e, pela segunda vez, o Presidente da Câmara Municipal. "A democracia só se constrói e robustece com o envolvimento e a participação de todos os cidadãos, sem exceção, com a inerente discussão e confronto de ideias, projetos, programas e estratégias, quer se considere o âmbito local, regional, nacional ou internacional", enfatizou Ângelo Moura.

"Mundo Mágico" na Biblioteca assinalou o Dia Mundial do Livro

A Biblioteca Pública de Lamego preparou um programa especial para tornar hoje inesquecível, entre livros, as comemorações do Dia Mundial do Livro. As crianças do Centro Infantil Mãe Admirável e do jardim de infância da Escola Básica nº1, bem como os utentes da Associação Portas P’rá Vida, foram convidadas a conhecer o "Mundo Mágico" da Sü, um projeto que "nasceu de uma paixão", que contou com uma apresentação dinâmica e diferente para "alegrar toda gente". Ao longo de duas sessões, o público embarcou numa viagem única pelo "Mundo Mágico" que começou com o Yidaki e a voz do sonho na Austrália e terminou em Portugal com a lenda de uma senhora que era pastora desde menina. A viagem percorreu seis continentes, ao som de seis instrumentos, enquanto eram narradas seis lendas. Da autoria de Sofia Santos Cardoso, ou simplesmente Sü, a apresentação do “Mundo Mágico” aos mais pequenos foi animada com a manipulação e a experimentação de didgeridoos reciclados e com a realização de um "cantinho criativo", onde as crianças, juntas, coloriram várias capas com as suas cores da alegria.

De Lamego para Lamego

face mo
Após a devastação que o ciclone Idai provocou na região da Beira, em Moçambique, o Município de Lamego promove a Campanha de Ajuda Humanitária – de LAMEGO para LAMEGO, em parceria com a Cruz Vermelha Portuguesa – Delegação de Lamego, a Cáritas Diocesana de Lamego e o Núcleo de Lamego da Liga dos Combatentes. Esta campanha tem como missão prestar ajuda humanitária à população de uma localidade do Distrito da Beira - Moçambique com a mesma toponímia da nossa cidade - Lamego, sede de um Posto Administrativo com cerca de 17 mil habitantes e que atualmente está completamente devastada. Serão recolhidos géneros e bens de primeira necessidade, tais como alimentos enlatados de validade prolongada mas, também, donativos monetários que reverterão para a reconstrução de equipamentos comunitários, em especial a escola. Ajude a localidade de Lamego - Distrito da Beira - Moçambique, a ultrapassar esta tragédia, aderindo à campanha “de LAMEGO para LAMEGO”.
Milhares de Moçambicanos precisam de ajuda, preste do seu contributo!

PEDITÓRIO
- Nos dias 16, 18, 23 e 30 de abril 2019, campanha de rua, em diversas zonas da cidade de Lamego (Av. Dr. Alfredo de Sousa, Mercado Municipal e Praça do Comércio);
- Recolha de donativos em lojas, superfícies comerciais e serviços públicos aderentes;
 
MOVIMENTO de LAMEGO para LAMEGO
IBAN: PT50 0045 2090 4031 2785 7772 0

RECOLHA ALIMENTAR
-No dia 27 de abril 2019, das 8:30 às 19:30 horas, decorrerá em diferentes superfícies comerciais, recolha de alimentos enlatados, ação coordenada pela Delegação de Lamego da Cruz Vermelha e pela Cáritas Diocesana de Lamego. Pode ainda, fazer o seu donativo diretamente na Cruz Vermelha Portuguesa – Delegação de Lamego, no Núcleo de Lamego da Liga dos Combatentes e na Cáritas Diocesana de Lamego.
 
 
Juntos por esta causa "de LAMEGO para LAMEGO".

Lamego recebeu apresentação do Orçamento Participativo Jovem

op 2019Cerca de trinta jovens, com idades compreendidas entre os 14 e os 30 anos, aceitaram o convite de participar esta terça-feira no Encontro do Orçamento Participativo Jovem Portugal que decorreu na Loja Ponto Já, em Lamego. Alunos e professores do ensino secundário e da Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Lamego, colaboradores de empresas particulares, autarcas e dirigentes associativos procuraram obter, através deste encontro, mais informações sobre este processo de participação democrática e debater ideias com outros jovens. 
Segundo o Governo, o Orçamento Participativo Jovem visa contribuir para a melhoria da nossa democracia pela inovação e reforço das formas de participação pública dos cidadãos jovens. Trata-se de uma aposta no seu espírito criativo e no seu potencial empreendedor. 

"Cancioneiro de Lamego" apresentado no Salão Nobre dos Paços do Concelho

A Câmara Municipal de Lamego continua a apoiar ativamente todas as manifestações culturais existentes no concelho, através, por exemplo, da promoção de um vasto conjunto de ações de divulgação de obras de autoria de personalidades locais e regionais e de livros que se debruçam sobre a realidade sociocultural da nossa região. Neste sentido, o Salão Nobre dos Paços do Concelho foi o palco escolhido para a apresentação pública do livro manuscrito (dos séculos XVII e XVIII) recentemente identificado “Cancioneiro de Lamego”, com cerca de 800 páginas, organizado por Luís Rebello de Carvalho Albergaria. Após esta apresentação, foi aberto um debate, bastante enriquecedor e animado, sobre este tema, moderado por Aurora Simões de Matos, fundadora da Tertúlia Artes e Letras de Lamego.

"Descobre a tua Biblioteca" nas férias da Páscoa

bibi 2019A Biblioteca Pública Municipal de Lamego desenvolve um trabalho importante na ocupação dos tempos livres das crianças e dos jovens. Por este motivo, vai organizar a iniciativa "Descobre a tua Biblioteca - Páscoa'19" que contempla um conjunto de atividades que englobam a leitura de contos, com Marina Sousa, uma abordagem à temática do coleccionismo, pelo lamecense Joaquim Areosa, detentor de uma extraordinária coleção de carros antigos em miniatura, além de uma pertinente e sempre atual imersão no mundo da internet e da cidadania, por Tânia Jerónimo. Por último, haverá uma pequena viagem à História de Lamego, contada às crianças por Victor Rebelo.  
As atividades decorrem na Biblioteca Municipal, às 10h30, de 9 a 12 de abril.

Cruzes do Calvário na cidade apelam a profunda reflexão

Durante as celebrações da Semana Santa, seis conjuntos de Cruzes do Calvário de grandes dimensões destacam-se na paisagem da cidade de Lamego, pretendendo apelar a uma profunda reflexão interior e relembrar a crucificação de Jesus Cristo e a sua morte. A iniciativa do Município de Lamego foi materializada a partir do desenho executado por Raquel Barros, arquiteta da Câmara Municipal de Lamego. O esboço inicial foi depois ganhando corpo, pelas mãos experientes de Paulo Ribeiro, serralheiro da autarquia, que materializou em aço o mais importante símbolo da Quaresma. 
Raquel Barros explica a ideia que esteve na génese deste trabalho: "Nas minhas memórias, quando recordo a crucificação de Cristo, associo sempre à imagem da Sua cabeça tombada. Assim surgiu a forma da Cruz, tentando indicar a presença do Seu corpo, ganhando também destaque através da sua dimensão. As outras cruzes, procuram transmitir a compaixão de Cristo, albergando debaixo dos seus braços, os outros homens, com ele crucificados".

Nova Feira Semanal garante melhores condições aos feirantes

A Feira Semanal de Lamego vai mudar de local com o objetivo de proporcionar melhores condições aos feirantes e ao público e, com isso, dinamizar esta importante atividade económica que se realiza todas as quintas-feiras durante o período da manhã. O Largo D. Dinis, mesmo em frente ao Centro Multiusos, vai ser, dentro de muito pouco tempo, a nova morada deste mercado ao ar livre. O recinto está dotado de todas as infraestruturas de conforto necessárias, nomeadamente instalações sanitárias, rede pública de água, rede elétrica e pavimentação. Mesmo ao lado, funcionará ainda o Gabinete de Apoio ao Feirante que prestará todo o auxilio necessário.

Contactos

Câmara Municipal de Lamego
  • Av. Padre Alfredo Pinto Teixeira, 5100 - 150 Lamego
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
  • Telef.: 254 609 600 Fax.: 254 609 601

Horário do Município

Horário de Atendimento ao Público
        SEGUNDA A SEXTA
          08H30 ÀS 17H00
Hórário de Atendimento Tesouraria
        SEGUNDA A SEXTA
          08H30 ÀS 15H30
             HORÁRIOS CONTINUOS
 

Newsletter

Usamos próprios e cookies de terceiros para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar considera aceitar a nossa política de cookies.