goo vimeo rss facebook

Comunicado do Presidente da Câmara Municipal | A Romaria de Portugal

Festas Remedios3Como é consabido, a 30 de janeiro de 2020, a Organização Mundial da Saúde declarou o surto de COVID-19 uma emergência de saúde pública de âmbito internacional, tendo declarado o surto como uma pandemia a 11 de março de 2020.
A Direção-Geral da Saúde (DGS), enquanto Autoridade Nacional da Saúde Pública, emitiu a Informação n.º 006/2020, de 28 de fevereiro, com recomendações para eventos públicos e eventos de massas, a qual foi substituída pela Orientação n.º 007/2020, de 10 de março, atualizada em 16 de março de 2020, onde recomenda o adiamento ou cancelamento de eventos de massas com o objetivo de evitar a propagação do vírus entre um elevado número de pessoas em espaços confinados.
Por sua vez, através de comunicado do Conselho Permanente da Conferência Episcopal Portuguesa, datado de 8 de maio de 2020, no seu ponto 79, é referido que: “Peregrinações, procissões, festas, romarias, concentrações religiosas, acampamentos e outras atividades similares em grandes grupos, passíveis de forte propagação da epidemia, continuam suspensas até novas orientações.”
Em 29 de maio de 2020 é publicada a Lei n.º 19/2020, que vem proibir a realização de Festivais e espetáculos de natureza análoga até 30 de setembro de 2020.
À semelhança de anos transatos, o planeamento e organização das Festas em Honra de Nossa Senhora dos Remédios – A Romaria de Portugal, foi confiado à Comissão de Festas, a qual deu início aos trabalhos de preparação da edição das Festas para o ano de 2020, no final do ano de 2019, e que após meses de trabalho, viu a sua atividade abruptamente interrompida, precisamente a 9 de março de 2020, dia em que foi aprovado o plano de contingência municipal.
Desde então, o Município e a Comissão de Festas têm acompanhado a evolução do contexto de pandemia, mantendo contacto regular com as instituições governamentais, religiosas, autoridades de saúde e de proteção civil, com quem sempre se coordenaram.
Na sequência do exposto, as Festas em Honra de Nossa Senhora dos Remédios – A Romaria de Portugal, não poderão ser realizadas no presente ano, nos moldes a que estamos habituados e que sempre desejamos, estando por isso cancelados todos os eventos musicais com público, bem como as famosas Marcha Luminosa, Batalhas das Flores, Cortejo Etnográfico e a Majestosa Procissão de Triunfo, o que também mereceu acolhimento por parte da Câmara Municipal e da Irmandade de Nossa Senhora dos Remédios.
Decisão extremamente difícil, eventualmente uma das decisões mais difíceis que alguma vez foi tomada sobre as Festas, mas com consciência e com a certeza que é a melhor forma de garantir a saúde pública e de prevenir um possível e eventual surto e a criação de uma ou várias cadeias de transmissão do novo Coronavírus – Covid 19.
Apesar deste contexto, Lamego não deixará de Homenagear a sua Padroeira, a Nossa Senhora dos Remédios, tendo sido já delineadas iniciativas que permitirão aos Lamecenses comemorar condignamente a sua "Romaria de Portugal" as quais, em momento oportuno, serão divulgadas.
Assumido fica o compromisso de, em 2021, com esta situação de pandemia debelada, como todos esperamos, as Festas em Honra de Nossa Senhora dos Remédios serão celebradas com redobrada ambição e dignidade.
 
Até lá #vamossermaravilha
 

CIMI - Rituais de Inverno com Máscaras

Numa colaboração entre o Município de Lamego e o Museu do Abade de Baçal, o Centro Interpretativo da Máscara Ibérica (CIMI), em Lazarim, apresenta agora uma nova exposição: “Rituais de Inverno com Máscaras”.
Coordenada por Benjamim Pereira, esta mostra apresenta o resultado de um trabalho de pesquisa, levado a cabo nos primeiros anos do século XXI, ao nível de um levantamento fotográfico e no que respeita a uma coleção de máscaras e trajes utilizados nos rituais de inverno no nordeste transmontano. A nova exposição abarca diferentes festividades deste território que apresentam um caráter vincadamente social e lúdico e aquelas que o articulam com uma natureza marcadamente religiosa. É ainda apresentado um documentário com o mesmo título, da autoria de Catarina Alves Costa e Catarina Mourão.
Patente ao público a partir de hoje, dia 31, e até 1 de novembro, a exposição “Rituais de Inverno com Máscaras” concretiza um projeto acarinhado pelo Instituto dos Museus e da Conservação, visando a divulgação do Ciclo Festivo de Inverno no Nordeste Transmontano.
De entrada livre, o CIMI está aberto de terça a domingo, das 10h às 17 horas.

Peddy Paper cidadania e património local

peddyO Plano Integrado e Inovador de Combate ao Insucesso Escolar do Município de Lamego - "Lamego Educa" - promoveu esta semana o "II Peddy Paper Cidadania e Património Local", uma prova pedestre de orientação participada por 45 crianças do 1º ciclo dos agrupamentos de escolas da Sé e Latino Coelho.
Acompanhados por dois orientadores, os mais pequenos puderam recorrer, nesta segunda edição, às novas tecnologias, através da exploração de Realidade Aumentada. Durante esta aventura, foram desafiados a explorar cinco locais de elevada relevância no contexto histórico e cultural da região: a Sé Catedral, o Museu de Lamego, o Castelo, a Igreja de Almacave e os Paços do Concelho. Os objetivos pedagógicos desta ação abrangeram o desenvolvimento de diversas vertentes: aquisição de conhecimento, atividade física, raciocínio lógico, construção de estratégias, trabalho em equipa e capacidade cognitiva. Em cada ponto do itinerário tiveram ainda acesso a uma infografia, através da utilização da plataforma "Lamecus Educa", respondendo depois ao QUIZ.

Risco no tempo patente ao público na Galeria Solar da Porta dos Figos - Lamego

r tA exposição "Risco no tempo" com trabalhos dos artistas plásticos Ângelo Ribeiro e Moisés Tomé, é a nova proposta cultural do Município de Lamego a apresentar na Galeria de Arte do Solar da Porta dos Figos, situada no Bairro do Castelo. A mostra estará patente ao público a partir deste sábado, dia 8, pelas 18 horas, até ao dia 6 de setembro.
Em "Risco no tempo", Ângelo Ribeiro apresenta três séries de trabalhos que refletem sobre o posicionamento do humano na contemporaneidade. O seu discurso expositivo inicia com "Quanto pesa o teu coração", onde discursa sobre o livre arbítrio e como as escolhas se refletem no coração/sentimento enquanto elemento essencial à vida humana. Em "Qual o valor humano" é questionado se o valor da vida humana é uno e imutável ou se depende da raça, do credo, da idade, do poder económico ou de outras construções alheias à sua condição. Por último, em "Territórios de sonho" abrem-se as portas para construções plásticas que exploram a representação do imaterial enquanto narrativas de utopia.
Por outro lado, o artista plástico Moisés Tomé apresenta desenhos a tinta da china como estudos preparatórios para esculturas. Projetos autónomos e com uma identidade e realidade próxima da dimensão arqueológica, da história e estórias de objetos e espaços da memória física e inventada do artista. Apresenta ainda uma pequena série de esculturas em bronze ligadas à investigação do autor, à modelação e fundição por cera perdida.
Para ver de terça a domingo, entre as 10h e as 17 horas. A entrada é livre.

Peddy Paper explorou cidadania e património local

peddyO Plano Integrado e Inovador de Combate ao Insucesso Escolar do Município de Lamego - "Lamego Educa" - promoveu esta semana o "II Peddy Paper Cidadania e Património Local", uma prova pedestre de orientação participada por 45 crianças do 1º ciclo dos agrupamentos de escolas da Sé e Latino Coelho.
Acompanhados por dois orientadores, os mais pequenos puderam recorrer, nesta segunda edição, às novas tecnologias, através da exploração de Realidade Aumentada. Durante esta aventura, foram desafiados a explorar cinco locais de elevada relevância no contexto histórico e cultural da região: a Sé Catedral, o Museu de Lamego, o Castelo, a Igreja de Almacave e os Paços do Concelho. Os objetivos pedagógicos desta ação abrangeram o desenvolvimento de diversas vertentes: aquisição de conhecimento, atividade física, raciocínio lógico, construção de estratégias, trabalho em equipa e capacidade cognitiva. Em cada ponto do itinerário tiveram ainda acesso a uma infografia, através da utilização da plataforma "Lamecus Educa", respondendo depois ao QUIZ.

CIMI apresenta Rituais de Inverno com Máscaras

r iNuma colaboração entre o Município de Lamego e o Museu do Abade de Baçal, o Centro Interpretativo da Máscara Ibérica (CIMI), em Lazarim, apresenta agora uma nova exposição: “Rituais de Inverno com Máscaras”.
Coordenada por Benjamim Pereira, esta mostra apresenta o resultado de um trabalho de pesquisa, levado a cabo nos primeiros anos do século XXI, ao nível de um levantamento fotográfico e no que respeita a uma coleção de máscaras e trajes utilizados nos rituais de inverno no nordeste transmontano. A nova exposição abarca diferentes festividades deste território que apresentam um caráter vincadamente social e lúdico e aquelas que o articulam com uma natureza marcadamente religiosa. É ainda apresentado um documentário com o mesmo título, da autoria de Catarina Alves Costa e Catarina Mourão.
Patente ao público a partir de hoje, dia 31, e até 1 de novembro, a exposição “Rituais de Inverno com Máscaras” concretiza um projeto acarinhado pelo Instituto dos Museus e da Conservação, visando a divulgação do Ciclo Festivo de Inverno no Nordeste Transmontano.
De entrada livre, o CIMI está aberto de terça a domingo, das 10h às 17 horas.

Ângelo Moura preside à abertura de Congresso Global de Direitos Humanos 

O Presidente da Câmara Municipal de Lamego, Ângelo Moura, vai presidir à Cerimónia de Abertura do "II Congresso Global de Direitos Humanos: A defesa da Democracia e do Estado Constitucional: os desafios das organizações e da sociedade civil na contemporaneidade", que a cidade de Lamego recebe esta semana, de 15 a 18 de janeiro. 
Este grande encontro académico vai abordar os desafios que se impõem às organizações e à sociedade civil na defesa da Democracia e do Estado Constitucional, de modo a, segundo a organização, "buscar um maior engajamento e integração entre a academia, instituições governamentais e não governamentais e a sociedade civil, e a contribuir com inovações e propostas que possibilitem a construção de alternativas tendentes a um planejamento para o futuro". A sessão tem início às 18 horas, no Teatro Ribeiro Conceição.
Programação completa em www.congressogdh.com

Câmara de Lamego apoia petição em defesa da Linha do Douro

Lamego esteve representado pelo Vice-Presidente da Câmara Municipal, António Alves da Silva, na entrega da petição em defesa da reativação da Linha do Douro que decorreu esta quarta-feira na Assembleia da República. Subscrito por 13500 pessoas, o documento defende a "completa requalificação e reabertura da Linha Ferroviária do Douro até Barca d'Alva e Espanha". Os promotores da iniciativa - a Liga dos Amigos do Douro Património Mundial, a Fundação Museu do Douro, a CIMDOURO, entre outras entidades da região Norte -, foram recebidos, em audiência, pela Vice-Presidente da Assembleia da República, Edite Estrela, a quem entregaram pessoalmente o abaixo-assinado. 
A reabertura da Linha do Douro vai agora ser debatida em plenário da Assembleia da República. O texto da petição afirma que esta via estruturante  “poderá ser um vetor fundamental no turismo na região por ligar quatro patrimónios da Humanidade: o Porto, o Alto Douro Vinhateiro, Foz Côa e Salamanca” e pede aos deputados para ponderarem que este investimento seja contemplado na versão final do Programa Nacional de Investimentos 2030 ou em outro instrumento público adequado.

Congresso mundial em Lamego debate defesa da Democracia

Falta apenas uma semana para a cidade de Lamego receber, pelo segundo ano consecutivo, um dos mais importantes encontros académicos alguma vez realizado no nosso país sobre a temática dos direitos humanos. Durante quatro dias, de 15 a 18 de janeiro, palestrantes de todo o mundo, sobretudo portugueses, espanhóis e brasileiros, vão refletir e debater a temática dos direitos humanos, "fomentando novas construções de ideias e o desenvolvimento científico a partir de uma perspetiva multidisciplinar". Professores, pesquisadores, estudantes, bem como membros da sociedade civil interessados nesta área, participam no "II Congresso Global de Direitos Humanos: A defesa da Democracia e do Estado Constitucional: os desafios das organizações e da sociedade civil na contemporaneidade".

Contactos

Câmara Municipal de Lamego
  • Av. Padre Alfredo Pinto Teixeira, 5100 - 150 Lamego
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
  • Telef.: 254 609 600 Fax.: 254 609 601
Comunicação de Avarias
  • Serviço de Águas - 254 609 609

Horário do Município

Horário de Atendimento ao Público
        SEGUNDA A SEXTA
          08H30 ÀS 17H00
Hórário de Atendimento Tesouraria
        SEGUNDA A SEXTA
          08H30 ÀS 15H30
             HORÁRIOS CONTINUOS
 

Newsletter

Usamos próprios e cookies de terceiros para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar considera aceitar a nossa política de cookies.