goo vimeo rss facebook

Ministro da Defesa sublinha que CTOE tem "mística muito especial"

A cidade de Lamego recebeu a primeira etapa do Roteiro de Defesa Nacional que o ministro João Gomes Cravinho pretende realizar nos próximos meses em todo o país, com o objetivo de promover o conhecimento e a cultura desta área em diferentes regiões, criando oportunidades privilegiadas de contacto entre decisores e cidadãos, administração central e local, sociedade civil e família militar. Ao longo de dois dias, o Ministro da Defesa Nacional esteve em Lamego para visitar o gabinete de Atendimento ao Público do Exército, o Núcleo da Liga dos Combatentes e, por último, o Centro de Tropas de Operações Especiais (CTOE), unidade que forma militares na área das Operações Especiais e apronta a Força de Operações Especiais, popularmente conhecidos como "Rangers". 
Neste local, teve a oportunidade de visitar, pela primeira vez, os aquartelamentos reabilitados, no âmbito dos investimentos já concretizados na melhoria das infraestruturas militares. Ao seu lado, o Presidente da Câmara Municipal de Lamego, Ângelo Moura, destacou que “esta unidade está umbilicalmente ligada à cidade e à região”, fazendo parte da sua história. “É essencial a continuação desta unidade que, para além desta afirmação histórica, tem esta ligação muito afetuosa que todos podemos sentir pelos quatro cantos do mundo”, explicou. 

Gomes Cravinho vem a Lamego em Roteiro de Defesa Nacional

O Ministro da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho, desloca-se entre segunda e quarta-feira aos municípios de Lamego, Baião e Vila Real naquele que será o primeiro Roteiro de Defesa Nacional. Estes programas descentralizados destinam-se a promover um conhecimento e uma cultura de Defesa Nacional nas diferentes regiões do território nacional, em parceria estreita com os municípios e os governos regionais, criando oportunidades privilegiadas de contacto entre decisores e cidadãos, administração central e local, sociedade civil e família militar.
No primeiro dia, 27 de janeiro, João Gomes Cravinho vai estar em Lamego, onde visitará um dos 17 gabinetes de Atendimento ao Público, que o Exército disponibiliza em vários pontos do país e que servem sobretudo para garantir um maior acesso das populações a informação sobre o serviço militar. Seguir-se-á uma visita ao núcleo de Lamego da Liga dos Combatentes. 
Na manhã do segundo dia, 28 de janeiro, o destaque vai para a deslocação ao Centro de Tropas de Operações Especiais, unidade destinada à formação de militares na área das Operações Especiais e ao aprontamento da Força de Operações Especiais (FOE), popularmente conhecidos como "Rangers". No local, o Ministro visitará também os aquartelamentos reabilitados, no âmbito dos investimentos já concretizados, na melhoria das infraestruturas militares. 

Programa em Lamego
27 de janeiro
17h30 – Visita ao Gabinete de Atendimento ao Público do Exército
18h30 – Visita conjunta ao Núcleo de Lamego da Liga dos Combatentes

28 de janeiro
8h30 – Visita ao Centro de Tropas de Operações Especiais 
9h40 – Visita ao Aquartelamento de Penude
          - Exposição de meios e equipamentos da Força de Operações Especiais
          - Demonstração técnico-tática de uma Special Operation Task Unit (SOTU)
          - Formatura da SOTU
11h00 – Visita ao Castelo de Lamego
Local: Núcleo Arqueológico de Lamego

Novo projeto em Lamego quer que as crianças cresçam a ler

A Biblioteca Municipal de Lamego, o projeto "Lamego Educa" e a Rede de Bibliotecas do concelho uniram esforços com o objetivo de criar um novo programa de animação de leitura, especialmente dirigido às crianças do pré-escolar e do 1º ciclo do ensino básico. Em articulação estreita com os outros parceiros, a equipa multidisciplinar do "Lamego Educa" vai dinamizar nas bibliotecas escolares o projeto “Entrelinhas - Crescer a Ler”, de modo a proporcionar aos mais pequenos diferentes experiências de estimulação para a leitura e "transportá-las para outra dimensão: a imaginação e a criatividade". O primeiro livro a explorar já foi selecionado: "O Lápis Mágico de Malala", de Malala Yousafzai.
Até ao próximo mês de junho, o livro assumirá, deste modo, o papel principal desta iniciativa pedagógica, sendo abordado como um objeto de prazer e de educação literária, para que a criança encontre nele a satisfação das suas necessidades de ocupação dos tempos livres, de desenvolvimento da criatividade, sentido estético, imaginação e prazer individual. O projeto “Entrelinhas - Crescer a Ler” permitirá um contacto regular e ativo com a leitura, cruzando-a com outras linguagens (teatro, artes plásticas...).
Neste âmbito, está previsto a exploração de um grande leque de temáticas, nomeadamente a sustentabilidade ambiental, a multiculturalidade, a inclusão social, a alimentação saudável e a cidadania.
Mais informação em http://biblioteca.cm-lamego.pt/

Formação ajuda profissionais a lidar com alergias

As alergias alimentares e os respetivos sintomas, exames e tratamentos estiveram no centro das preocupações da ação de formação que decorreu esta segunda-feira no Centro Escolar de Lamego nº1, com a participação de mais de 50 profissionais das áreas da educação e da saúde. Promovida pelo Município de Lamego, no âmbito do projeto "Lamego Educa - Plano Integrado e Inovador de Combate ao Insucesso Escolar", esta iniciativa contou com a colaboração de diversas instituições, nomeadamente do Serviço de Pediatria do Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro e da Escola de Hotelaria do Douro-Lamego.
Num primeiro momento, a palestra da pediatra Márcia Quaresma abordou o tema da anafilaxia, a reação alérgica mais grave, que pode resultar em dificuldade respiratória, perda de consciência ou mesmo morte se não for imediatamente tratada. A ação "Alerta Alergia" prosseguiu depois com a realização de uma sessão de esclarecimento com a intervenção da equipa multidisciplinar do Serviço de Pediatria daquele estabelecimento de saúde. O público procurou, durante esta ocasião, esclarecimentos adicionais sobre formas de confeção, não contaminação e atuação na preparação dos alimentos.
A sessão encerrou depois com uma degustação de receitas com alternativas válidas face às alergias, confecionadas pela Escola de Hotelaria. Para breve, está prevista a apresentação pública de um livro com estas receitas.

Lamego símbolo mundial da defesa dos Direitos Humanos

page dhA cidade de Lamego hasteou bem alto, ao longo de quatro dias, a bandeira da defesa e da promoção dos Direitos Humanos, num momento em que os equilíbrios do mundo são abalados por várias incertezas, intolerâncias e ataques aos alicerces dos sistemas democráticos que põem em causa as liberdades e garantias que, até há pouco tempo, eram tidas como duradouras e inabaláveis. Vindos de diversas partes do mundo, cerca de 70 oradores, estimularam o diálogo, despertaram a produção de conhecimento e incentivaram a partilha de reflexões e experiências, ligadas àquela temática, durante o "II Congresso Global de Direitos Humanos”.
Presente na Sessão de Encerramento, a secretária de Estado das Comunidades Portuguesas, Berta Nunes, elogiou a organização em Lamego deste importante evento: "Não é muito comum a realização de encontros deste nível, fora das cidades de Lisboa e do Porto", apresentando logo em seguida as políticas sociais que o Governo está a implementar de modo a defender a dignidade das pessoas e as políticas de integração, para as quais espera a colaboração ativa das autarquias. Ao seu lado, Ângelo Moura, Presidente da Câmara Municipal, sublinhou que "é uma honra para Lamego estar no centro destas temáticas", acrescentando depois que os Direitos Humanos são hoje um "património mundial” e que todos os cidadãos estão convocados para a sua defesa.

Berta Nunes no encerramento do Congresso de Direitos Humanos

A secretária de Estado das Comunidades Portuguesas, Berta Nunes, vai presidir à Sessão de Encerramento do "II Congresso Global de Direitos Humanos" que termina este sábado, dia 18, pelas 18h30, em Lamego. 
Recorde-se que esta cidade recebe, ao longo desta semana, mais de 70 palestrantes, vindos sobretudo da Europa, América Latina e África, que dinamizam um dos mais importantes encontros académicos alguma vez realizado em Portugal sobre a temática dos direitos humanos e que democratiza o acesso aos debates e às discussões científicas sobre esta área. 
Organizado pela professora de Direito da Universidade Federal do Maranhão, Maria da Glória Aquino, por João Paulo Borges, Magistrado do Ministério Público Português, e por Laís Locatelli, advogada vinculada à Ordem dos Advogados do Brasil, este congresso conta com o apoio, entre outras instituições, do Município de Lamego.   

Autarquia promove formação dedicada às alergias alimentares

ALERTA ALERGIAO Município de Lamego, no âmbito do projeto "Lamego Educa - Plano Integrado e Inovador de Combate ao Insucesso Escolar", promove na próxima segunda-feira, dia 20, a ação de formação "Alerta Alergia", dirigida a profissionais das áreas da saúde e da educação. A iniciativa decorre no Centro Escolar de Lamego nº1, a partir das 17 horas, em colaboração com diversas instituições, nomeadamente o Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro, a referência de saúde pública da região.
A pediatra Márcia Quaresma é a oradora convidada da ação de formação "Alerta Alergia". A iniciativa prossegue depois com a realização de uma sessão de esclarecimento com a intervenção da equipa multidisciplinar do Serviço de Pediatria daquele estabelecimento de saúde e de Eurico Gaspar, diretor de Serviço de Pediatria. A sessão encerra depois com uma degustação de receitas adaptadas às alergias alimentares, dinamizada pela Escola de Hotelaria do Douro-Lamego.
A inscrição é obrigatória e deve ser feita online em https://qrgo.page.link/kdNjs

Mais de 70 oradores debatem Direitos Humanos em Lamego

É já a partir desta quarta-feira, dia 15, que a cidade de Lamego recebe mais de 70 palestrantes, vindos sobretudo da Europa, América Latina e África, que vão dinamizar, pelo segundo ano consecutivo, em Lamego, um dos mais importantes encontros académicos mundiais alguma vez realizado em Portugal sobre a temática dos direitos humanos. 
Durante quatro dias, de 15 a 18 de janeiro, o "II Congresso Global de Direitos Humanos: A defesa da Democracia e do Estado Constitucional: os desafios das organizações e da sociedade civil na contemporaneidade" é mais um passo na consolidação da longa jornada pela busca da efetivação dos Direitos Humanos, possibilitando a democratização do acesso aos debates e às discussões científicas, para além dos universos académicos, ampliando o espaço de diálogo, de produção de conhecimento e de troca de informações.

Ângelo Moura preside à abertura de Congresso Global de Direitos Humanos 

O Presidente da Câmara Municipal de Lamego, Ângelo Moura, vai presidir à Cerimónia de Abertura do "II Congresso Global de Direitos Humanos: A defesa da Democracia e do Estado Constitucional: os desafios das organizações e da sociedade civil na contemporaneidade", que a cidade de Lamego recebe esta semana, de 15 a 18 de janeiro. 
Este grande encontro académico vai abordar os desafios que se impõem às organizações e à sociedade civil na defesa da Democracia e do Estado Constitucional, de modo a, segundo a organização, "buscar um maior engajamento e integração entre a academia, instituições governamentais e não governamentais e a sociedade civil, e a contribuir com inovações e propostas que possibilitem a construção de alternativas tendentes a um planejamento para o futuro". A sessão tem início às 18 horas, no Teatro Ribeiro Conceição.
Programação completa em www.congressogdh.com

Contactos

Câmara Municipal de Lamego
  • Av. Padre Alfredo Pinto Teixeira, 5100 - 150 Lamego
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
  • Telef.: 254 609 600 Fax.: 254 609 601

Horário do Município

Horário de Atendimento ao Público
        SEGUNDA A SEXTA
          08H30 ÀS 17H00
Hórário de Atendimento Tesouraria
        SEGUNDA A SEXTA
          08H30 ÀS 15H30
             HORÁRIOS CONTINUOS
 

Newsletter

Usamos próprios e cookies de terceiros para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar considera aceitar a nossa política de cookies.