goo vimeo rss facebook

Regressam as emoções do Rally de Portugal Histórico

Após o adiamento da prova em 2020, os entusiastas do desporto automóvel vão poder voltar a admirar, mais uma vez, em Lamego, os carros que fizeram história no Rally de Portugal. Na próxima quinta-feira, dia 7, os concorrentes do Rally de Portugal Histórico, uma das mais exigentes provas de regularidade histórica da Europa, sobem novamente a Rampa de Nossa Senhora dos Remédios em ritmo de classificativa. 
63 equipas, de nove nacionalidades diferentes, vão percorrer este trajeto sinuoso primeiro a partir das 12h45 e, mais tarde, de novo a partir das 15h15. Com o apoio do Município de Lamego, a Rampa dos Remédios é considerada pela organização um ponto de passagem obrigatório.
A 15ª edição da prova organizada pelo ACP - Automóvel Club de Portugal decorrerá entre os dias 4 e 9 de outubro e, como é habitual, terá o seu início e fim nos Jardins do Casino Estoril. Mantendo-se fiel a si próprio, o Rally de Portugal Histórico vai contar com cerca de 2 mil quilómetros de extensão total com o pelotão a cruzar o Centro e Norte do País por duas vezes durante a competição em estrada.

Feira de Produtos Endógenos termina no domingo

A Feira de Produtos Endógenos de Lamego vai estender-se até ao próximo domingo, dia 3 de outubro. 
Enquanto o público desfruta de um agradável passeio pela Av. Dr. Alfredo de Sousa, tendo como cenário o majestoso Santuário de Nossa Senhora dos Remédios, poderá visitar e apreciar os produtos mais genuínos do concelho. Enchidos, queijos, vinhos, licores e diverso artesanato típico da região constituem o cabaz de produtos desta mostra organizada pelo Município de Lamego.
Associada à marca “Lamego é Douro”, a feira de produtos endógenos é co-financiada pelo FEDER em 85% no âmbito do projeto de "Valorização dos Produtos Endógenos do Concelho de Lamego", aprovado no programa Norte2020.

Filandorra em residência artística no TRC

A Filandorra está em Residência Artística no Teatro Ribeiro Conceição a preparar aquela que é a 78ª Produção, O barrete de Guizos de Luigi Pirandello, dramaturgo italiano do século XX e Prémio Nobel da Literatura em 1934, um grande renovador do teatro reconhecido pelo seu profundo sentido de humor e originalidade.
Para a encenação do espetáculo, a Filandorra renovou o convite a Filipe Crawford, encenador que tem colaborado com a Companhia em temporadas anteriores, nomeadamente com a encenação de O teatro cómico de Goldoni em 1997 e Não se brinca com o amor de Musset em 2019.

Lamego vai ter mais uma Equipa de Intervenção Permanente

O Município de Lamego, a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Lamego e a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, assinaram um protocolo para a criação de mais uma Equipa de Intervenção Permanente (EIP). Esta união de esforços, melhorará a eficiência da proteção civil e as condições de prevenção e socorro face a acidentes e catástrofes, e valorizará a associação de bombeiros voluntários de Lamego.
À Equipa de Intervenção Permanente cabe a missão de assegurar em permanência, serviços de socorro às populações de Lamego, nomeadamente através do combate a incêndios, socorro em caso de acidentes ou catástrofes, socorro a náufragos e a colaboração em outras ações de proteção civil e prevenção desenvolvidas pela associação de bombeiros.

Município recebe docentes de Projeto Erasmus

Os docentes responsáveis pelo Projeto Erasmus + KA229 “Paseando entre Estatuas” foram recebidos no Salão Nobre dos Paços do Concelho por Ana Catarina Rocha, vereadora da Educação. No âmbito do projeto cultural a desenvolver no próximo ano letivo, em Lamego, será aprofundado o contexto histórico relacionado com o busto do escritor Fausto Guedes Teixeira, situado no Jardim da República, e a estátua de D. Miguel de Portugal, Bispo de Lamego, erguida em frente ao Museu da cidade.
Contando com o apoio do Município de Lamego, o Projeto “Paseando entre Estatuas” vai integrar alunos da Escola Básica de Lamego, matriculados na disciplina de Espanhol, para além do envolvimento de trinta famílias do concelho. O espanhol é a língua eleita pelos portugueses para a comunicação entre todos os participantes.Portugal, Espanha, França e Sérvia são os países aderentes a esta iniciativa.

Lamego com internet grátis nos espaços públicos

Diversos espaços públicos de Lamego já disponibilizam internet gratuita, na sequência de uma candidatura apresentada pelo Município de Lamego ao programa "WiFi4EU". Este projeto é dirigido a residentes e visitantes locais que têm agora acesso a internet sem fios (Wi-Fi) gratuita em várias zonas da cidade. O acesso à rede é feito com autenticação que funciona à escala europeia, não sendo solicitados quaisquer dados pessoais.
Em Lamego, os pontos de acesso Wi-Fi foram instalados pela Câmara Municipal, na sequência da aprovação de financiamento comunitário para a aquisição de equipamentos.
Com o objetivo de proporcionar acesso à internet de alta qualidade a um maior número de cidadãos, a autarquia disponibiliza esta rede nos seguintes locais: Parque Isidoro Guedes, Jardim da República, Câmara Municipal, Loja Interativa de Turismo, Avenida Visconde Guedes Teixeira, Avenida Alfredo de Sousa e Largo D. Dinis.

Município de Lamego com novo operador rodoviário

O concelho de Lamego dispõe, desde o dia 4 de setembro, de um novo operador rodoviário, que vai melhorar a qualidade do serviço de transporte.
O transporte público por autocarros era assegurado pela empresa Transdev, que foi substituída pela  Rodonorte. Esta operadora venceu o concurso público internacional, passando a garantir o serviço que compreende oito linhas municipais e seis circuitos do “Verdinho”, o sistema de transportes urbanos de Lamego. Este sistema é complementado pela rede de linhas intermunicipais sob tutela das CIM's.
A concessão atribuída pela Câmara Municipal de Lamego à Rodonorte vigorará durante os próximos três anos.A operação contempla a entrada em funcionamento de novos autocarros e de novos horários, que podem ter alterações pontuais, e estão disponíveis para consulta em https://www.cm-lamego.pt/verdinho

Patronato Nuno Álvares Pereira agraciado com a Medalha de Ouro

A Câmara Municipal de Lamego agraciou com a Medalha de Ouro da Cidade o Patronato Nuno Álvares Pereira, em cerimónia realizada a 4 de setembro, no Salão Nobre dos Paços do Concelho.
Com mais de um século de existência, esta escola particular criada com a missão de ajudar o Governo na tarefa contra o analfabetismo, dirigida em especial aos “meninos” mais carenciados da cidade, foi distinguida tendo em conta que "ao longo de décadas criou uma solidez e uma firme consolidação, independência, reputação e respeito granjeado junto de todas as instituições locais e nacionais". "Impõe-se o reconhecimento do Município de Lamego a esta instituição que nasceu com uma génese religiosa e que era responsável pelo apoio social aos mais desfavorecidos. O Patronato marcou indelevelmente a vida de muitos lamecenses. A todos aqueles que tiveram à frente desta escola é devido o reconhecimento pela obra deixada que se perpetuará pelo seu exemplo", fundamentou, desta forma, o Presidente Ângelo Moura a realização desta homenagem pública.

Patronato Nuno Álvares Pereira agraciado com a Medalha de Ouro

A Câmara Municipal de Lamego agraciou com a Medalha de Ouro da Cidade o Patronato Nuno Álvares Pereira, em cerimónia realizada a 4 de setembro, no Salão Nobre dos Paços do Concelho.
Com mais de um século de existência, esta escola particular criada com a missão de ajudar o Governo na tarefa contra o analfabetismo, dirigida em especial aos “meninos” mais carenciados da cidade, foi distinguida tendo em conta que "ao longo de décadas criou uma solidez e uma firme consolidação, independência, reputação e respeito granjeado junto de todas as instituições locais e nacionais". "Impõe-se o reconhecimento do Município de Lamego a esta instituição que nasceu com uma génese religiosa e que era responsável pelo apoio social aos mais desfavorecidos. O Patronato marcou indelevelmente a vida de muitos lamecenses. A todos aqueles que tiveram à frente desta escola é devido o reconhecimento pela obra deixada que se perpetuará pelo seu exemplo", fundamentou, desta forma, o Presidente Ângelo Moura a realização desta homenagem pública.
Durante o discurso de agradecimento que proferiu, o antigo Presidente do Patronato Nuno Álvares Pereira, Alberto de Jesus Almeida, afirmou que esta instituição centenária deve sentir-se orgulhosa da sua História. "Formaram-se aqui milhares de alunos que, nas mais variadas profissões aqui e além mar, têm dado cartas nos ofícios que seguiram, fruto desta formação primária e primeira que obtivemos nas velhas carteiras do nosso Patronato".
Durante a cerimónia de outorga, também foi feita a apresentação pública do livro "100 Anos 1000 Histórias", da autoria de Alberto de Jesus Almeida, publicado por ocasião do centenário do Patronato Nuno Álvares Pereira (1920-2020).

Contactos

Câmara Municipal de Lamego
  • Av. Padre Alfredo Pinto Teixeira, 5100 - 150 Lamego
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
  • Telef.: 254 609 600 Fax.: 254 609 601
Comunicação de Avarias
  • Serviço de Águas - 254 609 609

Horário do Município

Horário de Atendimento ao Público
        SEGUNDA A SEXTA
          08H30 ÀS 17H00
Hórário de Atendimento Tesouraria
        SEGUNDA A SEXTA
          08H30 ÀS 15H30
             HORÁRIOS CONTINUOS
 

Newsletter

Usamos próprios e cookies de terceiros para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar considera aceitar a nossa política de cookies.