goo vimeo rss facebook

Notícias

Exposição "Arte Orgânica" exibe trabalhos na área da tapeçaria

A exposição “Linhas de terra e cor... Arte Orgânica” é a nova proposta cultural que a Galeria Solar da Porta dos Figos, em Lamego, exibe a partir do próximo sábado, dia 7. A mostra envolve cenários orgânicos na área da tapeçaria, na qual os fios e a natureza entrelaçam-se criando um “lugar imagético” de ligações expressivas com o meio. Cores orgânicas e texturas variadas que expressam o têxtil como um significativo meio de expressão ecológica. 
A nova sugestão cultural reúne trabalhos da autoria de Ana Antunes, licenciada em Ensino Básico - Educação Visual e Tecnológica, pela Escola Superior de Portalegre, com mestrado em Educação Ambiental - Arte e Ambiente, pela Universidade de Coimbra.
Até 7 de abril, fica o convite do Município de Lamego para apreciar o talento desta artista, cuja dinâmica criativa é orientada para as questões ambientais decorrentes do seu gosto pessoal pela natureza
A entrada é livre.  

Lamego discutiu segurança contra incêndios em edifícios

segura incCerca de 120 pessoas estiveram presentes na manhã desta quarta-feira num workshop, organizado pelo Serviço Municipal de Proteção Civil de Lamego, dedicado à temática da "Segurança Contra Incêndios em Edifícios". Proferida por Paulo Figueiredo, em representação da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil - CDOS Viseu, esta palestra abordou diversas questões fundamentais relacionadas com esta matéria, nomeadamente o enquadramento legal do regime jurídico da segurança contra incêndio em edifícios, em particular a Lei n.º 123/2019, de 18 de outubro. Além disso, foi explicada a necessidade de proceder a ajustamentos relativos à periodicidade das inspeções, medidas de autoproteção e eventuais processos de contraordenação. 
A Sessão de Abertura do encontro contou ainda com a intervenção do Vice-Presidente António Alves da Silva que afirmou ser necessário assegurar o cumprimento do regime de segurança contra incêndio em edifícios, em particular dos edifícios e recintos classificados na 1.ª categoria de risco, cuja competência é dos municípios.  
Inserido nas Comemorações do Dia Internacional da Proteção Civil, este workshop contou com a colaboração da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, através do Comando Distrital de Operações de Socorro de Viseu. 

AVISO: Requalificação do Bairro de Alvoraçães interrompe circulação automóvel

A Câmara Municipal de Lamego informa todos os munícipes que, devido ao início das obras de requalificação do espaço público do Bairro de Alvoraçães, é necessário proceder a partir de hoje, dia 27 de fevereiro, ao corte temporário da circulação automóvel no interior deste bairro e à proibição do estacionamento no Parque de Alvoraçães. Estas interdições vigoram durante o período previsto para a realização dos trabalhos, correspondente a 11 meses. 
Durante este período, os automobilistas devem respeitar a sinalização temporária existente nestes locais e os condicionalismos apresentados pelas autoridades competentes.
A Câmara Municipal de Lamego apela à compreensão de todos por eventuais incómodos causados a peões e a automobilistas. 

"Tudo o que vem à rede é fixe?" debateu segurança na Internet

r f"Tudo o que vem à rede é fixe?" foi a questão colocada logo no início da iniciativa que o Plano Integrado e Inovador de Combate ao Insucesso Escolar - "Lamego Educa" promoveu para suscitar uma ampla reflexão sobre uma utilização mais segura, inclusiva e responsável das tecnologias online. Realizada no Centro Escolar de Lamego Nº 1, esta sessão de informação foi dirigida aos pais, encarregados de educação, professores, educadores e outros interessados nos atuais desafios da navegação digital. O encontro procurou consciencializar o público para a identificação, prevenção e intervenção em situações de convivência nociva e menos segura na Internet, bem como alertar para a necessidade de apreender alguns mecanismos e estratégias para a sua correta utilização.  
Promovida pelo projeto "Lamego Educa", financiado pelo Norte 2020, e pela DECO Jovem, no âmbito de um protocolo de colaboração existente entre o Município de Lamego e a DECO, a sessão "Tudo o que vem à rede é fixe?" foi organizada no âmbito do Dia da Internet Segura.

Município de Lamego executa ação de fogo controlado

f controladoO Município de Lamego realizou a primeira ação de fogo controlado deste ano que tem como principal objetivo diminuir a carga de combustível disponível para futuros incêndios em espaços rurais. A iniciativa decorreu na rede primária da serra do Montemuro, na União de Freguesias de Bigorne, Magueija e Pretarouca, e resultou da congregação de esforços de vários parceiros: Bombeiros Voluntários de Lamego, Associação de Produtores Florestais das Terras de Montemuro e Paiva, Sapadores Florestais da Associação Ribaflor e Gabinete Técnico-Florestal.
Recorde-se que em 2018 o Município de Lamego aderiu à primeira fase do Plano Nacional de Fogo Controlado, lançado pelo Governo, com o objetivo de criar faixas de proteção de defesa da floresta contra incêndios. Planeadas e executadas por técnicos habilitados para o efeito, os objetivos destas ações prendem-se com a gestão de combustíveis com recurso a fogo, conduzindo à diminuição da carga combustível disponível para futuros incêndios que possam ocorrer naqueles espaços e à criação de oportunidades para o combate a esses incêndios, bem como o treino operacional dos agentes de proteção civil que nelas participam.
Esta ação foi financiada pelo Fundo Florestal Permanente.

Entrudo de Lazarim atrai milhares para ver os caretos

O Entrudo de Lazarim mantém-se, passadas tantas décadas, o símbolo do sentir e da arte popular desta povoação do concelho de Lamego, sempre em respeito pela autenticidade e pela tradição. Este ano, a chuva não chegou para afastar milhares de curiosos que acorreram à pequena vila para celebrar o Entrudo mais genuíno do país, recriando um ambiente de folia e confraternização sem igual. O momento mais alto dos festejos foi a leitura pública dos testamentos na Terça-Feira Gorda que atraiu uma multidão para escutar atentamente a herança da “comadre” e do “compadre”. Nesta altura, taparam-se os ouvidos aos mais sensíveis, pois foi o momento das verdades guardadas durante todo o ano se fazerem escutar, respeitando a regra de ouro de só os solteiros poderem criticar e ser alvo de chacota. Como é tradição, logo a seguir mandou-se queimar dois bonecos de pano que representam os compadres, um ato que simboliza a expulsão dos maus pensamentos e a purificação das mentes.

Contactos

Câmara Municipal de Lamego
  • Av. Padre Alfredo Pinto Teixeira, 5100 - 150 Lamego
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
  • Telef.: 254 609 600 Fax.: 254 609 601

Horário do Município

Horário de Atendimento ao Público
        SEGUNDA A SEXTA
          08H30 ÀS 17H00
Hórário de Atendimento Tesouraria
        SEGUNDA A SEXTA
          08H30 ÀS 15H30
             HORÁRIOS CONTINUOS
 

Newsletter

Usamos próprios e cookies de terceiros para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar considera aceitar a nossa política de cookies.